Influência da Dieta – Sobre o tipo de treino na musculação

No ultimo artigo falamos sobre treinos metabólicos (numero maior de repetições, cargas menores e intervalos de recuperação curtos) e treinos tensionais (cargas maiores, menos repetições e maiores intervalos de recuperação. As 2 formas podem gerar hipertrofia, desde que usadas de forma correta dentro da periodização.
No treino metabólico, a duração do treino é curta, geralmente não excedendo uma hora de treino. Isso porque a fadiga acumulada é grande, especialmente quando o treino é feito até a falha e com curtos intervalos de recuperação entre as séries. Esse treino é importante para a hipertrofia muscular, especialmente pelo maior aumento de hormônios anabólicos, como o hormônio do crescimento (GH). Esse treino geralmente é feito na fase pré-contest, apesar de poder ser feito também na fase off season. No pré-contest a prioridade é o aumento/manutenção da massa magra, entretanto sem acumulo de gordura, ou seja, a oferta de nutrientes não é tão grande assim. Por se tratar de treinos curtos, é possível se manter a intensidade do treino mesmo com uma menor oferta energética.
Já o treino tensional é caracterizado por cargas maiores (mais peso nos exercícios) e maiores intervalos de recuperação. Quanto mais próximo da carga máxima suportada para um exercício, maior é o intervalo de recuperação entre as séries. Esse tipo de treino, que tem uma duração maior que uma hora geralmente, sendo mais comum no período off season, aonde a ingestão energética é maior e o foco é aumento de peso, especialmente massa muscular (em alguns casos aumentar o percentual de gordura nessa fase é aceitável e até necessário).
Ou seja, maior disponibilidade de nutrientes na dieta, maiores cargas nos treinos.
Como vimos, é possível (e recomendado) aliar os 2 tipos de treinos dentro de uma periodização anual, dependendo da fase de treinamento. O tempo de cada fase de treinamento varia muito de acordo com o objetivo, especialmente quando se precisa aumentar o peso corporal. Quanto maior a necessidade de se aumentar o volume muscular, maior será o período de off season.

Fonte:Integralmédica.com.br

Summary
Article Name
Influência da Dieta - Sobre o tipo de treino na musculação
Description
No ultimo artigo falamos sobre treinos metabólicos (numero maior de repetições, cargas menores e intervalos de recuperação curtos) e treinos tensionais (cargas maiores, menos repetições e maiores intervalos de recuperação.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *