Insuficiência ativa: o que é e que como afeta seu treinamento

Você já ouviu falar da insuficiência ativa?

Lembre dos exercícios rosca direta, para bíceps, mesa flexora horizontal para isquiotibiais e tríceps no banco. Pensou?

Quando for realiza-los na academia, se você tiver possibilidade, use o recurso de filmar a execução dos movimentos por três ângulos distintos: frente, costas e laterais.

Leia também: pesos livres ou máquinas? O que é melhor?

Novamente, é bem provável que você se espante com o que vai ver, de modo negativo!

Algumas das falhas que você poderá notar: braço se movimentando em demasia, causando rotação interna do úmero, gastrocnêmicos também contraídos, mesmo que isometricamente, junto com seus isquiotibiais (o que facilita o movimento) e, por fim, pouca atividade da porção longa do tríceps, graças ao ombro estendido.

Porque, geralmente, isso acontece? Vamos lá:

Existe falta de conhecimento de origem e inserção dos músculos, se perceberem, todos os músculos que citei acima são biarticulares, ou seja, atravessam mais de uma articulação.

Dessa forma, por contração isométrica dos músculos sinergistas, que auxiliam os músculos-alvo (aproximando origem e inserção em demasia), temos o torque diminuído e menos eficiência muscular.

É necessário também estar atento aos exercícios uniarticulares. Um erro, uma má postura, uma execução capenga e… bum! Lá se foi o objetivo do exercício.

Em suma, os músculos-alvo, que tanto queremos utilizar, se perdem no caminho em algum momento, por alguma razão. Claro, essa aproximação demasiada dos músculos biarticulares colocam em cheque suas articulações, ligamentos e tendões. Todos sofrem com sobrecargas por vezes extremas e desnecessárias.

E qual a solução? Após uma avaliação postural/funcional criteriosa, é necessário periodizar o treinamento de forma a aumentar a efetividade dos exercícios, não permitindo que sua eficiência seja comprometida por essas falhas.

Novamente, cinesiologia e biomecâmica são essenciais, mas é preciso saber usá-las! Para os que não sabem, nunca é tarde para aprender!

 

 

 

Fonte:integralmedica.com.br

Summary
Insuficiência ativa: o que é e que como afeta seu treinamento
Article Name
Insuficiência ativa: o que é e que como afeta seu treinamento
Description
Você já ouviu falar da insuficiência ativa? Lembre dos exercícios rosca direta, para bíceps, mesa flexora horizontal para isquiotibiais e tríceps no banco. Pensou?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *